7 termos que vão te ajudar a compreender os decretos do Trump em inglês

Passados poucos meses das eleições para presidente dos Estados Unidos, um dos países mais importantes, influentes e poderosos do planeta, chegou a hora de entender os decretos do Trump em inglês. Nesse resumo, vamos abordar o que, de fato, a eleição de Donald Trump significa em termos de impacto para os Estados Unidos e para o resto do mundo.

As Eleições americanas

A última eleição americana foi um tanto quanto conturbada, marcada como sempre, pela feroz disputa entre seus dois partidos, o Partido Republicano e o Partido Democrata, da qual poucos esperavam que o vencedor fosse o candidato do Partido Republicano Donald Trump.

decretos do Trump em inglês

Isso porque suas ideias aparentemente eram absurdas e desalinhadas em relação ao perfil tradicional mais recente dos Estados Unidos, onde sempre foi exaltado o valor e o significado da palavra liberdade.

O fato é que salvo raras exceções, a maioria das pessoas incluindo especialistas, cientistas políticos e principalmente a mídia local e internacional, davam como certa a vitória dos conservadores de Hillary Clinton, representante do Partido Democrata, especialmente por ser apoiada por um dos presidentes mais populares da história recente dos Estados Unidos, nada menos que Barack Obama.

É importante ressaltar que, embora Donald Trump tenha perdido em número total de votos, ele foi eleito, já que as regras americanas levam em conta o número de votos conseguidos por distrito americano e não pela quantidade total de votos, como no Brasil, por exemplo.

A fim de ajudar a entender os decretos do Trump em inglês nesses poucos meses de governo, vamos falar aqui de alguns termos e impactos de seus decretos.

Immigration Ban

Para entender os decretos do Trump em inglês, o “immigration ban”, aqui traduzido como banimento da imigração, foi uma Ordem Executiva emitida pelo presidente Donald Trump que impede temporariamente cidadãos de 7 países, em sua maioria muçulmanos, de entrarem nos Estados Unidos.

Os países afetados por essa medida são Síria, irã, Iraque, Líbia, Somália, Sudão e Iêmen. Essa Ordem Executiva também impede que o país receba refugiados por 120 dias.

curso de inglês online

Embora essa ordem tenha sido criticada por todo o mundo, vale dizer que ela é apoiada por grande parte do povo americano. O argumento central é a questão de segurança pela suposta ligação de pessoas desses países com ataques terroristas.

Essa Ordem Executiva causou uma grande batalha jurídica nos Estados Unidos, tendo sido bloqueada pela justiça americana.

Border Security – the big wall

Outro termo muito falado durante o período das eleições e cuja implementação já começa a ser posta em marcha por Donald Trump, é o termo “the big wall”.

Para entender os decretos do Trump em inglês, nesse caso, estamos falando da construção de um enorme muro separando as fronteiras dos Estados Unidos com seu tradicional parceiro de negócios e de fronteira, o México.

Essa é outra ideia aparentemente sem sentido de Donald Trump e que tem sido duramente criticada especialmente pela mídia e por especialistas em notícias internacionais.

A grande maioria entende que é um plano inútil e até mesmo estúpido. De acordo com Trump, o referido muro seria pago pelo seu vizinho o México, via taxação. O plano também prevê o aumento do número de agentes na fiscalização da fronteira entre os dois países e tem causado uma saia justa entre os dois países.

ObamaCare

Outra de suas ideias que igualmente fazia parte de sua plataforma de campanha é a desconstrução do modelo do plano de saúde implementado pelo então presidente Barack Obama, o chamado ObamaCare.

Para entender os decretos do Trump em inglês, quando se fala em ObamaCare, se fala sobre uma total revisão do plano de saúde desenvolvido pelo governo Obama o qual Donald Trump pretende redesenhar completamente.

Porém, dada a complexidade do assunto e a necessidade de mudança estrutural para substituir o atual plano de saúde, estima-se que isso demandaria muito esforço, além das tradicionais aprovações do Congresso americano, e que, caso isso ocorra, deve demorar algum tempo até que seja possível sua completa efetivação.

Trans-Pacific Partnership (TPP)

Aqui, a fim de entender os decretos do Trump em inglês, falamos de outra promessa de campanha já cumprida por Donald Trump, que foi a retirada dos Estados Unidos do Acordo Transpacífico de Cooperação Econômica, acordo assinado por Barack Obama em conjunto com 11 países do Pacífico (Japão, Brunei, Malásia, Cingapura, Vietnã, Austrália, Nova Zelândia, Canadá, México, Peru e Chile).

O acordo prevê, entre outras coisas, integração econômica entre seus membros, criação de regras comuns de propriedade intelectual, padronização de leis trabalhistas, desenvolvimento de ações ambientais comuns e aumento de investimentos.

Ou seja, um acordo comercial de padronização de ações e estreitamento de relações de mercado cujo objetivo é potencializar e fortalecer o desenvolvimento do comércio entre seus membros. Por ser um tratado recente, ainda não é possível prever quais serão os impactos dessa medida, seja para os Estados Unidos ou para outros países.

Anti-abortion rule

Para entender o decreto do Trump em inglês, aqui “anti-abortion rule” refere-se à restauração da política que impede o governo de financiar organizações estrangeiras que promovam ou apoiem o direito ao aborto, seja financeiramente ou seja através do aconselhamento de uma quantidade grande de pessoas.

Agora médicos e enfermeiras não mais poderão aconselhar seus pacientes ou falar sobre todas as opções legais disponíveis em relação à maternidade. Com isso, espera-se um grande aumento de abortos sem segurança, fechamento de clínicas e filhos não planejados por todo o mundo.

Pipelines

Para entender o decreto do Trump em inglês, “pipelines” significa oleodutos, ou seja, Donald Trump também assinou memorandos beneficiando oleodutos cujas construções haviam sido barradas por Barack Obama para prevenir riscos ambientais. Com a assinatura desses memorandos as ações em bolsa de valores das empresas associadas a essas atividades subiram de preço.

Froze Federal hires

Para entender o decreto do Trump em inglês, “froze federal hires” quer dizer que Trump também editou Ordem Executiva no sentido de congelar a contração de trabalhadores em cargos públicos federais.

A ordem estabelece que as vagas anteriormente existentes não poderão ser preenchidas, assim como novas vagas não mais poderão ser criadas, com exceção daquelas do serviço militar, segurança pública e segurança nacional pessoal.

Com isso serão cortadas milhares de vagas para cientistas altamente especializados, médicos, engenheiros e enfermeiras entre outros, que não fazem parte do que pode ser enquadrado como segurança pública. Com isso, é esperado uma diminuição de amplitude e de qualidade de serviços prestados pelo governo.

Os decretos do Trump em inglês

Como pôde ser visto, os decretos do Trump cumpriram aquilo que deles se esperava desde o tempo de campanha eleitoral, ou seja, a maioria dos decretos são realmente polêmicos e envolvem críticas que surgem dos mais diversos canais: do povo, da imprensa, de organismos internacionais e de defensores de direitos humanos.

Agora é esperar para constatar quais serão de fato os efeitos reais deles para os Estados Unidos e para o mundo.

Deixe uma resposta